Palestra: Tensorflow poliglota: integrando Go e Python

Track: Linguagens do Século 21

Sala: São Francisco

Horário: 11:50am - 12:35pm

Dia da semana: Quarta-feira

Nível: Intermediário

Persona: Arquiteto(a), Cientista de Dados, Desenvolvedor(a) Programador(a), Desenvolvedor(a) Sênior

Apresentação em Português

Compartilhe essa página no:

Pontos Principais

  • Saiba quando escolher Python ou Go em projetos de ML;
  • Conheça técnicas para integração de Python e Go no contexto de engenharia de dados e de comunicação entre processos;
  • Aprenda como usar o SDK em Go do TensorFlow e a API do Keras em Python para aplicar modelos prontos em dados reais.

Resumo

Na NeuralMed, usamos o SDK do Tensorflow em nossas aplicações escritas em Go para fazer inferência em nossos modelos de deep learning criados em Python. Acabamos descobrindo na prática que a API em Go do Tensorflow não tem uma manutenção tão boa quanto a API em Python e decidimos fazer nossa inferência também em Python.

Em Python foi fácil validar nossos resultados mas encontramos desafios novos: fazemos a comunicação síncrona ou assíncrona? Usamos HTTP? REST? gRPC? Mensageria? Descubra como evoluímos para suportar uma aplicação poliglota, parte em Go, parte em Python, alcançando uma arquitetura estável com suporte a múltiplos modelos de deep learning.

Palestrante: Vitor De Mario

Tech Lead at NeuralMed

Formado em ciência da computação pela UFRJ. Líder de equipe na NeuralMed, desenvolvendo software de inteligência artificial para radiologia. Mais de 5 anos de experiência com Go, participou da criação da GopherCon Brasil em 2016 e foi organizador das três primeiras edições, até 2018. Palestrante desde 2015, com participações no TDC de SP e de Porto Alegre, GopherCon Brasil, THECONF, 7Masters e outros eventos.

Encontre mais informações sobre Vitor De Mario em

Tracks

Segunda-feira, 6 de maio

Terça-feira, 7 de maio

Quarta-feira, 8 de maio